SONHOS

O Poder dos Sonhos

Não seja empurrado pelos seus problemas. Seja impulsionado pelos seus sonhos!



terça-feira, 31 de julho de 2012

Acordando o silêncio...- Di_Angels.


O Nada mais detém 
Fluem, plenos instantes únicos 
Nas montanhas escondidas 
Uma alma peregrina 

No labirinto de saudades 
Carrega marcas profundas 
Despindo-se outras roupagens 
Volitando entre as esquinas 

Entre curvas deste tempo 
Criou seu passaporte 
Escondidas na linguagem muda 
Expandindo seus anseios 

Criado pelo Universo 
Nascida da tempestade 
Em loucura de sensibilidade 
Gotejando as letras sua sina 

No andar entre outros bairros 
Das ladeiras esquecidas 
Vivendo sentidos inteiros 
Acordando o silêncio. 

Di_Angels. 
Publicado no Recanto das Letras 
Código do Texto: T 1813845.
 

PAI NOSSO DO ORIENTE AO OCIDENTE - Yoganandaji.


O Pai Nosso 
Pai Celestial, Mãe, Amigo e Bem Amado Deus. Que a pronunciação incessante 
e silenciosa do Teu Sagrado Nome, conduza-nos a Tua semelhança . 
Inspiranos, para que nossa adoração às coisas materiais, se transforme 
em adoração a Ti. Que através da pureza de nossos corações, possa teu 
Reino de perfeição vir à Terra e liberar todas as nações do sofrimento. 
Que a nossa vontade se torne mais forte ao vencer os desejos mundanos 
e sintonize-se afinal com Tua vontade perfeita. Dá-nos o pão de cada dia, 
alimento, saúde e prosperidade para o corpo; eficiência para a mente e sobretudo , 
Teu amor e sabedoria para a alma. É Tua lei que diz: com a mesma medida com 
que medirdes, também vos mediram. Que possamos perdoar aqueles que nos 
ofendem, sempre atentos à nossa própria necessidade de Tua imerecida 
misericórdia. Não nos abandones no abismo das tentações em que caímos 
pelo mau uso que temos feito da razão que nos concedestes. E quando 
for Tua Vontade submeter-nos à prova, Oh Espírito ! permite-nos 
comprender que Tu és muito mais fascinante que qualquer tentação terrena. 

Yoganandaji.

Pensando bem.. - Luis Fernando Veríssimo



Pensando bem em tudo o que a gente vê e vivencia e ouve e pensa, não existe uma pessoa certa pra gente. Existe uma pessoa que se você for parar pra pensar é, na verdade, a pessoa errada. Porque a pessoa certa faz tudo certinho! Chega na hora certa, fala as coisas certas, faz as coisas certas, mas nem sempre a gente tá precisando das coisas certas. Aí é a hora de procurar a pessoa errada. A pessoa errada te faz perder a cabeça, perder a hora, morrer de amor... A pessoa errada vai ficar um dia sem te procurar que é pra na hora que vocês se encontrarem a entrega ser muito mais verdadeira. A pessoa errada, é na verdade, aquilo que a gente chama de pessoa certa. Essa pessoa vai te fazer chorar, mas uma hora depois vai estar enxugando suas lágrimas. Essa pessoa vai tirar seu sono. Essa pessoa talvez te magoe e depois te enche de mimos pedindo seu perdão. Essa pessoa pode não estar 100% do tempo ao seu lado, mas vai estar 100% da vida dela esperando você. Vai estar o tempo todo pensando em você. A pessoa errada tem que aparecer pra todo mundo, porque a vida não é certa. Nada aqui é certo! O que é certo mesmo, é que temos que viver cada momento, cada segundo, amando, sorrindo, chorando, emocionando, pensando, agindo, querendo,conseguindo... E só assim, é possível chegar àquele momento do dia em que a gente diz: "Graças à Deus deu tudo certo" Quando na verdade, tudo o que Ele quer é que a gente encontre a pessoa errada pra que as coisas comecem a realmente funcionar direito pra gente... 

Luis Fernando Veríssimo 

Através da chuva e da névoa - Ruy Belo


Chovia e vi-te entrar no mar
longe de aqui há muito já
ó meu amor o teu olhar
o meu olhar o teu amor
Mais tarde olhei-te e nem te conhecia
Agora aqui relembro e pergunto:
Qual é a relidade de tudo isto?
Afinal onde é que as coisas continuam
e como continuam se é que continuam?
Apenas deixarei atrás de mim tubos de comprimidos
a casa povoada o nome no registo
uma menção no livro das primeiras letras?
Chovia e vi-te entrar no mar
ó meu amor o teu olhar
o meu olhar e o teu amor
Que importa que algures continues?
Tudo morreu : tu esse tempo esse lugar
Que posso eu fazer por tudo isso agora?
Talvez dizer apenas
Chovia e vi-te entrar no mar
E aceitar a irremediável morte para tudo e todos



Ruy Belo
(in Homem de Palavra(S) )

A carta da paixão - Herberto Helder


Esta mão que escreve a ardente melancolia
da idade
é a mesma que se move entre as nascentes da cabeça,
que à imagem do mundo aberta de têmpora
a têmpora
ateia a sumptuosidade do coração. A demência lavra
a sua queimadura desde os recessos negros
onde
se formam
as estações até ao cimo, 
nas sedas que se escoam com a largura
fluvial
da luz e a espuma, ou da noite e as nebulosas
e o silêncio todo branco.
...
É de ouro a paisagem que nasce : eu torço-a
entre os braços. E há roupas vivas, o imóvel
relâmpago das frutas. O incêndio atrás das noites corta
pelo meio
o abraço da nossa morte. Os fulcros das caras
um pouco loucas
engolfadas, entre as mãos sumptuosas.
A doçura mata.
A luz salta às golfadas.
A terra é alta.
Tu és o nó de sangue que me sufoca.
Dormes na minha insónia como o aroma entre os tendões
da madeira fria. És uma faca cravada na minha
vida secreta. E como estrelas
duplas,
consanguíneas, luzimos de um para o outro
nas trevas.


Herberto Helder
(in Antologia Pessoal da Poesia Portuguesa, por Eugénio de Andrade)

segunda-feira, 30 de julho de 2012

MÃE, TU ÉS MINHA SAUDADE - Áurea de Luz


No silêncio das horas deste dia 
Em que muitos comemoram com alegria 
Quero estar, talvez, num campo de antúrios, 
Onde ninguém possa ouvir os meus murmúrios; 
perdidos no ramalhar das árvores e nos ruidos 
das águas coreentes, derramando um pranto quente. 
Os anos vão passando, e a saudade aumentando... 
Viver sem a presença dela é como ter sol sem janela. 
Todo dia uma lembrança, seus cuidados na infância, 
Seu riso, suas palavras de amor e seu olhar me amando... 
Minha mãe, quanta dor pelo teu precoce adeus! 
Ainda hoje sinto em mim o calor dos braços teus... 
Espero algum dia, mãezinha, encontrar-te na luz, 
Salve minha rainha!... Que tanto amor, eu te pus. 

Áurea de Luz

Ser e Ter - Mário Quintana


Queria ter a certeza de que apesar de minhas renúncias e loucuras, alguém me valoriza pelo que sou, não pelo que tenho... 
Que me veja como um ser humano completo, que abusa demais dos bons sentimentos que a vida lhe proporciona, que dê valor ao que realmente importa, que é meu sentimento...e não brinque com ele. 
E que esse alguém me peça para que eu nunca mude, para que eu nunca cresça, para que eu seja sempre eu mesmo. 
Não quero brigar com o mundo, mas se um dia isso acontecer, quero ter forças suficientes para mostrar a ele que o amor existe... 
Que ele é superior ao ódio e ao rancor, ............. 

Que eu nunca deixe minha esperança ser abalada por palavras pessimistas...
 

Mário Quintana 

domingo, 29 de julho de 2012

Fé - Dinigro Rocha e Célia de Lima


do que vejo céu 
se houve o céu 
mais bonito 
quando o Cristo 
deixou-se vir 
o céu se ouve 
e ouve a mim 
[b]quando eu sei 
quando acredito 
o céu que eu vi 

do que vejo céu 
do que é luz, em si 
o céu, louve 
e fique em mim 
pra que eu seja seu 
no que acredito 
-o céu que existe 
e está escrito 
tem seu lugar 
no que resisto 
no que nasceu 

a estrela no céu 
tem a luz do Cristo 

Dinigro Rocha e Célia de Lima

A arte de ser feliz- Cecilia Meireles


Houve um tempo em que minha janela se abria 
sobre uma cidade que parecia ser feita de giz. 
Perto da janela havia um pequeno jardim quase seco. 
Era uma época de estiagem, de terra esfarelada, 
e o jardim parecia morto. 
Mas todas as manhãs vinha um pobre com um balde, 
e, em silêncio, ia atirando com a mão umas gotas de água sobre as plantas. 
Não era uma rega: era uma espécie de aspersão ritual, para que o jardim não morresse. 
E eu olhava para as plantas, para o homem, para as gotas de água que caíam de seus dedos magros e meu coração ficava completamente feliz. 
Às vezes abro a janela e encontro o jasmineiro em flor. 
Outras vezes encontro nuvens espessas. 
Avisto crianças que vão para a escola. 
Pardais que pulam pelo muro. 
Gatos que abrem e fecham os olhos, sonhando com pardais. 
Borboletas brancas, duas a duas, como refletidas no espelho do ar. 
Marimbondos que sempre me parecem personagens de Lope de Vega. 
Ás vezes, um galo canta. 
Às vezes, um avião passa. 
Tudo está certo, no seu lugar, cumprindo o seu destino. 
E eu me sinto completamente feliz. 
Mas, quando falo dessas pequenas felicidades certas, 
que estão diante de cada janela, uns dizem que essas coisas não existem, 
outros que só existem diante das minhas janelas, e outros, 
finalmente, que é preciso aprender a olhar, para poder vê-las assim

Cecília Meireles 

Sentimento


Água após água, assim será sempre a vida,
tudo na sua lenta ascensão.
Deus, como é possível percorrer tanto...
Não poder imaginar o término do percusso,
encontrar, após esta espera imensa e incansável,
sequer, um obstáculo.
Forte ou fraca só mortes pode tocá-las.
É como uma porta, e a porta...
é a porta obscura que o tempo irá descobrir.
Águas algumas sujas, outras límpidas,
uma dedicada ao sol, outra para nutrir.
Entre o claro da luz da sala e das cortinas...
Seremos sempre como águas,
Como asas de anjos, quilhas e mastros
nas mãos de ventos medievais.
Vida triste ou feliz,
Cheia de eitos e grãos.

Autor Desconhecido

sábado, 28 de julho de 2012

Ouça seu Coração - Paulo Coelho


Os homens têm medo de realizar seus maiores sonhos porque acham que não o merecem, ou não vão conseguir!

Mas o medo não é uma coisa concreta. Ele está em seus corações!!

Os corações morrem de medo só de pensar em amores que partiram para sempre... Em momentos que poderiam ter sido bons e não foram...

Quando isso acontece, acabamos sofrendo muito e o coração tem medo de sofrer.

Mas o medo é pior que o próprio sofrimento.
Nenhum coração jamais sofreu quando foi em busca de seus sonhos, porque cada momento de busca é um momento de vida, de energia, de encontro com Deus e com a eternidade.

Então... Ouça seu coração!
Ninguém consegue fugir dele.

Por isso, é melhor escutar o que ele fala para que não venha um golpe que você não espera, porque você jamais vai conseguir mantê-lo calado.

Mesmo que finja não escutar o que ele diz, ele estará dentro do seu peito, repetindo o que pensa sobre a vida e o mundo...
O dia inteiro...
O tempo todo...
Ainda bem!
Por isso, ouça o seu coração!
Paulo Coelho

Acorde para vencer !!!


Reuna forças para vencer os obstáculos.



Não deixe que nada afete seu espírito. Envolva-se pela 

música, cante e ouça.


Comece a sorrir mais cedo.

Ao invés de reclamar quando o relógio despertar, agradeça 

pela oportunidade de acordar mais um dia.


O bom humor é contagiante espalhe-o,


fale de coisas boas, de saúde, de sonhos, de amor.


Não se lamente!!!


Ajude as outras pessoas a perceberem o que há de bom 

dentro de si.


Não viva emoções mornas ou vazias.


Cultive seu interior, extraia o máximo de pequenas coisas.


Seja transparente e deixe que as pessoas saibam que você 

as estima e precisa delas.


Repense os valores e se dê a chance


de crescer e ser mais feliz. Tudo que merece ser feito, 

merece ser bem feito.


Torne suas obrigações atraentes, tenha garra e 

determinação.

Mude, opine, ame o que faz.

Não trabalhe só por dinheiro e sim pela satisfação da missão 

cumprida.


Lembre-se de que nem todos têm a mesma oportunidade.

Pense no melhor, trabalhe pelo melhor e espere o melhor.


Transforme seus movimentos em oportunidades.

Veja o lado positivo das coisas e assim tornará seu otimismo uma realidade.


Não inveje. Admire!!!

Sinta entusiasmo com o sucesso alheio, como seria com o 

seu próprio.

Idealize um modelo de competência e faça sua auto 

avaliação para saber o que lhe está faltando para chegar lá.


Ocupe seu tempo crescendo, desenvolvendo suas 

habilidades e seu talento.

Só assim não terá tempo de criticar os outros.


Não acumule fracassos e sim experiências.


Tire proveito dos seus problemas e não se deixe abater por 

eles.

Tenha fé e energia, acredite!!!

Você pode tudo que quiser.


Perdoe!!!

Seja grande para os aborrecimentos, pobre para a raiva, 

forte para vencer o medo e FELIZ para permitir momentos 

felizes.


Não viva só para o trabalho.


Tenha outras atividades paralelas como esportes, leituras, 

cultivar amigos.
.
O trabalho é uma das contribuições que damos à vida, mas 

não se deve jogar nele todas as nossas expectativas de 

realizações.


Finalmente, ria das coisas à sua volta, de seus problemas, 

de seus erros, ria da vida.

E... ame! Antes de tudo, a você mesmo!


A gente começa a ser feliz quando é capaz de rir da gente 

mesmo!!!


Tenha um bom dia, uma boa tarde, uma boa noite, uma 

ótima vida...


Autoria desconhecida

Aventure-se - Liliane Moura



Concentre-se mais em seu desejo do que em sua dúvida e o sonho cuidará de si mesmo. Você poderá se surpreender de como tão fácil isso acontece. Suas dúvidas não são tão poderosas como seus desejos, a menos que você as torne assim.

A vida se encolhe ou se expande proporcionalmente à coragem de cada um. Grandes talentos são desperdiçados pela falta de coragem e a timidez os impede de virem à tona, quando se deixa de fazer uma primeira tentativa.

O mundo inteiro abre caminhos para quem tem coragem para algo mais inusitado, singular e inexplicável. A maioria das pessoas não vai longe o suficiente ao primeiro vento, tampouco acredita na possibilidade de uma segunda rajada.

Dê a seus sonhos tudo o que tem e será surpreendido com a energia que vem de você! O Criador não lhe permite um desejo, sem que tenha a habilidade para realizá-lo. Se não experimentamos os saltos da imaginação e ideias, perdemos a excitação das possibilidades.

Sonhos, afinal de contas, são uma forma de planejar. Portanto, busque e se aventure, alimentando sua sabedoria e inteligência. Tome posse de si mesmo, pois isso será a força que o moverá rumo ao aprendizado.



Liliane Moura

A parábola da rosa


Certa vez, um homem plantou uma roseira e passou a regá-la constantemente.
 
Assim que ela soltou seu primeiro botão que em breve desabrocharia, o homem notou espinhos sobre o talo e pensou consigo mesmo: “como pode uma flor tão bela vir de uma planta rodeada de espinhos?”
 
Entristecido com o fato, ele se recusou a regar a roseira e, antes mesmo de estar pronta para desabrochar a rosa morreu.
 
Isso acontece com muitos de nós com relação à nossa semeadura.
 
Plantamos um sonho e, quando surgem as primeiras dificuldades, abandonamos a lavoura.
 
Fazemos planos de felicidade, desejamos colher flores perfumadas e, quando percebemos os desafios que se apresentam, logo desistimos e o nosso sonho não se realiza.
 
Os espinhos são exatamente os desafios que se apresentam para que possamos superá-los.
 
Se encontramos pedras no caminho é para que aprendamos a retirá-las e, dessa forma, nossos músculos se tornem mais fortes.
 
Não há como chegar ao topo da montanha sem passar pelos obstáculos naturais da caminhada. E o mérito está justamente na superação desses obstáculos.
 
O que geralmente ocorre é que não prestamos muita atenção na forma de realizar nossos objetivos e, por isso, desistimos com facilidade e até justificamos o fracasso lançando a culpa em alguém ou em alguma coisa.
 
O importante é que tenhamos sempre em mente que se desejamos colher flores, temos que preparar o solo, selecionar cuidadosamente as sementes, plantá-las, regá-las sistematicamente e, só depois, colher.
 
Se esperamos colher antes do tempo necessário, então a decepção surgirá.
 
Se temos um projeto de felicidade, é preciso investir nele. E considerar também a possibilidade de mudanças na estratégia.
 
Se, por exemplo, desejamos um emprego estável, duradouro, e não estamos conseguindo, talvez tenhamos que rever a nossa competência e nossa disposição de aprender.
 
Não adianta jogar a culpa nos governantes nem na sociedade, é preciso, antes de tudo, fazer uma avaliação das nossas possibilidades pessoais.
 
Se desejamos uma relação afetiva duradoura, estável, tranqüila, e não conseguimos, talvez seja preciso analisar ou reavaliar nossa forma de amar.
 
Quando os espinhos de uma relação aparecem, é hora de pensar numa estratégia diferente, ao invés de culpar homens e mulheres ou a agitação da vida moderna, ou simplesmente deixar a rosa do afeto morrer de sede.
 
Há pessoas que, como o homem que deixou a roseira morrer, deixam seus sonhos agonizarem por falta de cuidados ou diminuem o seu tamanho. Vão se contentando com pouco na esperança de sofrer menos.
 
Mas o ideal é estabelecer um objetivo e investir esforços para concretizá-lo.
 
Se no percurso aparecer alguns espinhos, é que estamos sendo desafiados a superar, e jamais a desistir.
 
 
Quem deseja aspirar o perfume das rosas, terá que aprender a lidar com os espinhos.
 
Quem quer trilhar por estradas limpas, terá que se curvar para retirar as pedras e outros obstáculos que surjam pela frente.
 
Quem pretende saborear a doçura do mel, precisa superar eventuais ferroadas das fabricantes, as abelhas.
 
Por tudo isso, não deixe que nenhum obstáculo impeça a sua marcha para a conquista de dias melhores. 



Autoria desconhecida

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Para Viver um Grande Amor - Carlos Drummond de Andrade


É preciso abrir todas as portas que fecham o coração. 
Quebrar barreiras construídas ao longo do tempo, 
Por amores do passado que foram em vão 
É preciso muita renúncia em ser e mudança no pensar. 
É preciso não esquecer que ninguém vem perfeito para nós! 
É preciso ver o outro com os olhos da alma e se deixar cativar! 
É preciso renunciar ao que não agrada ao seu amor... 
Para que se moldem um ao outro como se molda uma escultura, 
Aparando as arestas que podem machucar. 
É como lapidar um diamante bruto...para fazê-lo brilhar! 
E quando decidir que chegou a sua hora de amar, 
Lembre-se que é preciso haver identificação de almas! 
De gostos, de gestos, de pele... 
No modo de sentir e de pensar! 
É preciso ver a luz iluminar a aura, 
Dando uma chance para que o amor te encontre 
Na suavidade morna de uma noite calma... 
É preciso se entregar de corpo e alma! 
É preciso ter dentro do coração um sonho 
Que se acalenta no desejo de: amar e ser amada! 
É preciso conhecer no outro o ser tão procurado! 
É preciso conquistar e se deixar seduzir... 
Entrar no jogo da sedução e deixar fluir! 
Amar com emoção para se saber sentir 
A sensação do momento em que o amor te devora! 
E quando você estiver vivendo no clímax dessa paixão, 
Que sinta que essa foi a melhor de suas escolhas! 
Que foi seu grande desafio... e o passo mais acertado 
De todos os caminhos de sua vida trilhados! 
Mas se assim não for... 
Que nunca te arrependas pelo amor dado! 
Faz parte da vida arriscar-se por um sonho... 
Porque se não fosse assim, nunca teríamos sonhado! 
Mas, antes de tudo, que você saiba que tem aliado. 
Ele se chama TEMPO... seu melhor amigo. 
Só ele pode dar todas as certezas do amanhã... 
A certeza que... realmente você amou. 
A certeza que... realmente você foi amada." 

( Carlos Drummond de Andrade )